Second Life: A Novel

Estou lendo dois livros no momento, e nenhum deles esta me trazendo prazer/diversão/aprendizado. O primeiro é Second Life, de S. J. Watson, a autora do best seller Antes de Dormir, que eu não li, mas sei que fez muito sucesso e até virou filme com a Nicole Kidman. Por recomendação da NPR, selecionei este livro para ler, mas a cada página que viro, me pergunto se já não li o suficiente e seria melhor parar. Eu não gosto de largar livros pela metade, a não ser que sejam absolutamente horrendos, o que este livro não é. Mas é leeeeento, cansativo, com personagens aborrecentes ao extremo. A autora se repete desnecessariamente, no desejo de talvez fazer a gente sentir empatia com a personagem principal, mas ao fazer isso, consegue o oposto.

Second Life: A Novel

Second Life é um thriller psicológico sobre uma mulher com uma identidade secreta. Quando Julia descobre que sua irmã foi violentamente assassinada, ela quer descobrir o por que. Mas sua busca evolui rapidamente para uma exploração do seus desejos sensuais. Ao envolver-se com um estranho num site de relacionamentos, ela sente que está perdendo controle e talvez possa perder tudo. Essa busca por respostas pode comprometer seu casamento, sua família e sua vida.

Parece interessante, mas na prática, Julia é uma lerda meio frustrada, que tem muito tempo livro para ficar pensando em bobagens que não interessam e faz malabarismos mentais para justificar as decisões que toma. Enfim, o tipo de mulher que não seria minha amiga, pois eu não tenho saco para esse tipo de personalidade. A autora deixa pouco espaço para o leitor preencher e isso, aliado as descrições cansativas destes malabarismo que falei, cansa. Eu não gosto de receber tudo mastigado. O ser humano é multifacetado e muitas vezes surpreendente, mas este personagem até o momento não me surpreendeu nem um pouco. Pode ser que melhore. Ainda não decidi largar o livro, mas infelizmente se algo interessante não acontecer em breve, vai ser um livro que eu não vou terminar.