Realidade dói

Estou terminando de ler dois livros, ambos não ficção. O primeiro é Deus, Um Delírio. Estou no capítulo onde o autor fala sobre como ser ateu não é sinonimo de imoral, algo que qualquer pessoa com pelo menos dois neurônios e um pouco de bom senso já deve saber, mas que é preciso explicar direitinho para uns e outros, senão acabamos linchados em praça pública. Richard Dawkins é um sujeito inteligente, ao mesmo tempo que é um piadista: eu achei que seria um livro meio sacal de ler, mas é ótimo, principalmente para quem que, depois de anos se questionando e questionando tudo que foi dito sobre deus e religião, acha que tem algo de podre no reino da Dinamarca. 😀

Ri um pouco lendo certos comments na Opinião do Leitor no site da Cultura, mas não devia… Sabe quando você vê uma pessoa dar um tropicão e levar o maior tombo na rua e uma parte sua quer rir, outra quer ajudar e a outra sente um pouco de vergonha pelo sujeito que caiu? Então, é isso que eu sinto quando vejo certas pessoas fervorosamente religiosas que não sabem se expressar e seus argumentos soam totalmente absurdos. Enfim, o livro é bom e recomendo.

O segundo é 23 Coisa que Eles Não Falam Sobre o Capitalismo, de Ha-Joon Chang, que como algumas coisas que somos levamos a pensar sobre o capitalismo não são exatamente assim como soam ser. É um bom livro para ajudar a “pensar fora da caixa”, abrir os horizontes e questionar mais a fundo o que acontece ao nosso redor.