Livros e + livros

Terminei de ler The Girl with the Dragon Tattoo, de Stieg Larsson e confesso que gostei. Bastante. Com muito mais recheio que o filme e um final que me deixou super curiosa para saber o que vai acontecer no próximo livro, que eu ia comprar, mas acho que vou tentar pegar na biblioteca. Aliás, eu já falei como funciona a biblioteca aqui em LA? Uma maravilha de serviço! Depois de você fazer seu cartão, pode logar no site da bibliteca, selecionar os livros que deseja ler, reservar e caso a sua biblioteca local não tenha os livros que você selecionou, eles enviam de outra e ligam para avisar quando os livros estão disponíveis. É mole? Serviço 5 estrelas e por causa disso eu diminui bastante o número de livros que compro. 😉

Outro livro que li em poucos dias foi Twelve, de Nick McDonell. Ai. Horrível. Escrito pelo autor quando ele tinha 17 anos (e acredite, dá para perceber), conta como os riquinhos de NYC vivem uma vidinha vazia e regada a drogas e sexo. Gossip Girl anyone? Não é original, já que Less Than Zero de Bret Easton Ellis nos apresentou a vida dos pobres jovens ricos em 1985; não é super bem escrito; os personagens parecem uma só massa sem distinção e eu tive a impressão de que quando o autor se cansou, resolveu matar todo mundo com uma arma comprada em Chinatown. Okay. Não recomendo nem para ler na praia. Se quiser algo do gênero, vá as raizes e leia Abaixo de Zero.

Estou lendo Pirates Latitudes, que esta me divertindo muito. Michael Crichton, o autor, sempre consegue divertir seus leitores.