Un prophète, 2009

Semana passada fui assistir Un prophète (O Profeta), de Jacques Audiard. O filme conta como um bandidinho comum vira um criminoso perigoso, graças as “lições” que aprende na prisão onde cumpri sua pena. O filme é sujo, cruel, realista e não tem vergonha de não romancear as situações e seus personagens. Pode relaxar que você não vai ver aquelas firulas ridículas de Hollywood. Em diversos momentos eu fiquei esperando por um gesto “a la hollywood”, que para minha alegria, não aconteceu.

Un Prophete

O novato Tahar Rahim impressiona com sua atuação. A direção de Jacques Audiard é perfeita, o estilo e a fotografia, tudo refletindo o assunto retratado. Em alguns momentos o filme me tocou profundamente, como quando Malik passa pela segurança no aeroporto. Impressionamente. Mais tarde no filme, senti meu coração disparar, tão envolvida eu fiquei com a trama.

Não sei se este filme já estreiou no Brasil, mas eu recomendo pois é um dos melhores filmes que vi recentemente no cinema.

3 thoughts on “Un prophète, 2009

  1. Hummmm, interessante.
    Sair um pouco fora do circuito americano é legal.
    Vamos ver se essa bagaça vai ser mesmo boa.
    Valew!!!!
    Bjs.

Comments are closed.